Água destilada

Muitos cultivadores relatam que as plantas são capazes de crescer mais rapidamente com a ajuda de água destilada ou purificada. Uma razão para isso pode estar relacionada aos metais pesados (níquel, arsênico, chumbo, etc) e sódio, frequentemente detectados na água (conhecida como água dura).

A água purificada normalmente não contém esse tipo de elementos. Regar regularmente usando água dura pode causar acúmulo de sais alcalinos no meio, o que pode ter um impacto negativo sobre os minerais benéficos, resultando em deficiências de zinco, cobre e ferro. Uma variedade de opções de água purificada estão disponíveis, porém nem todas são totalmente livres dos minerais que podem causar a formação de sal a longo prazo. 

A água normal pode ser fria ou quente. A água fria da torneira normalmente inclui uma taxa mais baixa de acúmulo de sódio e cálcio, e também normalmente é livre de sedimentos depois de escorrer por um período de 25 segundos. A água quente da torneira normalmente inclui uma grande quantidade de depósitos de cálcio, sódio, chumbo e ferrugem. Deve-se usar somente um volume de água suficiente para que a água atinja a temperatura ideal (entre 20°C e 25°C). 

É possível filtrar a água normal utilizando um filtro de carvão ou de carbono, o que deve garantir que a água fique livre das partículas maiores e do cloro, mas ainda assim pode conter sólidos como metais pesados e sódio. 

A água purificada é obtida através de alguma forma de filtro de sedimentos/carbono ou Osmose Reversa (OR). Ao comprar água em uma loja você pode identificar aquelas marcadas como destilada ou OR. Essa água pode ainda incluir uma pequena quantidade de metais pesados e de sólidos dissolvidos, semelhante à água da torneira.